de boca em bocas

10/03/2007

 

saudade do meu diário / penso apenas / quase sem tempo de vir aqui / hj é um s''abado lindo ! sol /amigos / delicioso almoço / amanã viajo .

Depois eu volto.


Escrito por cal às 21h07
[] [envie esta mensagem] []


02/03/2007

 

Hj é dia 2 / quase atravessa o sábado, que se ocupa em proporcionar o descanso a quem merece ou precisa/ando navegando bastante, pesquisando, lendo poesias / do outro lado da rua um jazz, lindo, sereno, que me leva a simplesmente ouvir a melodia sem forçar o pensamento/sempre tem música ali/sou privilegiada/em frente a minha casa, que é um apê/almoço ali / encontro com amigos ali / bato papo ali com o dono/uma pessoa incrível/shokito dorme aqui ao meu lado/onde estou, ele me acompanha/qdo ele demora a vir aqui no escritório, vou buscá-lo/aperto ele/beijo, beijo e beijo mais este au au mais lindo do mundo! /

Ando com vontade de viajar.

 


Escrito por cal às 23h35
[] [envie esta mensagem] []


01/03/2007

Ando meio que ocupada, tentando realizar projetos profissionais / Mas confesso que sinto saudade deste espaço, tão particular...A vida tem me levado pra ventos em várias direçoes / A direçao de hoje me proporciona bem-estar, embora tenha me ocupado cerca de14 horas por dia / Tudo bem ! Por prazer, tenho que relevar / Nem é sacrifício / É prazer, mesmo que deixe exausta em alguns momentos / Preciso estar ocupada com a mente /O corpo é mais quieto, mas a minha cabeça é a mil p/hora / Sempre foi assim. Já é madrugada de 1o. de março / O sono ainda nao chegou / Vou adiantar algumas coisas.

Depois eu voto.  


Escrito por cal às 00h15
[] [envie esta mensagem] []


23/01/2007

 

Férias no Rio /Maravilha! / Parou de chover hoje / Pra uma cidade que tem tudo de bom, não será o tempo que irá atrapalhar eu ver meus amigos, minha família, a orla marítima, belos restaurantes, teatros, aquele cineminha de fim de tarde. Chops, muitos chops !! Quando eu voltar, levarei lembranças do que esta maravilhosa guanabara sempre me proporciona.


Escrito por cal às 13h41
[] [envie esta mensagem] []


15/12/2006

Receita de ano novo / Drummond


 


Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?) 
 

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver. 
 

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

 

cartõesuol

http://www.revista.agulha.nom.br/drumm.html#receita

 

Estou indo ao encontro de um descanso merecido

Até 2007 !

 

 

 

 

 

 


Escrito por cal às 11h53
[] [envie esta mensagem] []


10/12/2006

 

O Canal Brasil tá 10 !!!

Os documentários de primeiríssima qualidade. Os filmes escolhidos a dedo. Perfeito o show do zeca baleiro. As entrevistas com paulo betti/ a série tesouros brasileiros.

Enfim, recomendo !

http://globosat.globo.com/canalbrasil

 


Escrito por cal às 02h07
[] [envie esta mensagem] []


01/12/2006

 

Especialmente o dia de ontem foi todo preenchido com mil e uma atividades/ Nem vi passar o tempo direito/Trabalhei bastante/ Atendi alunas/ Pessoas diversas/ Escrevi bastante/Fui a consulta médica periódica, por exigência da lei trabalhista/ Supermercado/Atendi a não sei quantos telefonemas/Tomei banho de chuva na rua/De casa, liguei pra vizinha no trabalho pra saber se tava tudo bem/Aproveitei e pedi pra trazer um chocolate/Claro que ela vai trazer depois me passar aaaaaquele sermão: -eu tenho farmácia e não supermercado!/Toda vez é a mesma ladainha, mas acaba trazendo....-risos-/Brinquei com o shokito entre um programa e outro/ A cena da fotógrafa com o Renato foi hilária ! É o melhor de Páginas da Vida/ Shokito é o pincher mais fofim do mundo !Tem 4 meses/E minha casa tem outra energia depois da chegada dele/Lanchamos sempre juntos: Eu no café etc, ele na ração, perto de mim/Aproveito pra conversar com ele, enquanto fazemos aquele lanche gostoso !Em seguida, parece que dá uma doidera nele/Corre pra lá e pra cá sem parar. Ele já entendeu quando vou trabalhar/Fica quietinho, enquanto me espera chegar/Tenho dito pra ele que latir é que nem falar/Só usa quando precisar mesmo/Tamos chegando lá.

Hoje não será muito diferente...


Escrito por cal às 14h16
[] [envie esta mensagem] []


23/11/2006

- olha pra cima.

- olha pra frente.

 


Escrito por cal às 20h06
[] [envie esta mensagem] []


20/11/2006

O mundo encantado da aventura

 

 

Tenho 6 dias pra mudar

1 pra confirmar

nenhum pra desistir.

cartoesuol


Escrito por cal às 13h06
[] [envie esta mensagem] []


16/11/2006

ouvi ontem num filme da tv:

 

    A TOLERÂNCIA DA SOCIEDADE FACILITA O CRIME

 

-a mentira, a preguiça em demasia, a esperteza, e por aí vai......

 

adaptado cartoesuol


Escrito por cal às 14h01
[] [envie esta mensagem] []


10/11/2006

 

-Vem ver comigo, apreciar a chuva. Ela não é apenas pra momentos tristes ou pra dormir.

-Não saberia pensar em outra coisa que não fossem estas...

-Então não pense, talvez seja isso. Sinta.

 


Escrito por cal às 22h03
[] [envie esta mensagem] []


06/11/2006

 - Li sua poesia do Drummond

 - Gostou?

                                                            - Muito !                                                           

 -É o lado erótico dele.

 - Dele? Sei...

 


Escrito por cal às 08h18
[] [envie esta mensagem] []


31/10/2006

 

Hj é aniversário de Drummond. Vou homenagear os meus amigos com esta poesia dele:


Escrito por cal às 12h38
[] [envie esta mensagem] []


29/10/2006


Fernando Donasci/ Folha Imagem   "Continuaremos a governar para todos, mas os pobres terão preferência no nosso governo. As regiões empobrecidas terão no nosso governo uma atenção maior. O adversário agora são as injustiças sociais."

Presidente Lula, no primeiro discurso após reeleito, na noite de 29 de outubro, em São Paulo


Escrito por cal às 21h16
[] [envie esta mensagem] []


27/10/2006

 

Para construir uma volta não importa o tempo.

 

http://www.widesoft.com.br

 


Escrito por cal às 21h37
[] [envie esta mensagem] []



[ ver mensagens anteriores ]
 
 
 
       
   
BRASIL, Mulher







Histórico

OUTROS SITES
    A casa caiu
  Administração e Tecnologia
  A sozinha
  Alma carioca
  ARTIGO:Atençao à mastigação e deglutição da pessoa idosa/abr-mai007
  Ar de amor
  Arteira de plantão
  As cartas de Elise
  Blog da Lia
  Blog da Cam
  Blog da Fabi
  Blog do Luiz guimaraes
  Blog do Pedro Ivo
  Blue eyes
  Bóbis que brilham
  Bocado de arte
  Cabaninha da Gi
  click...fotografando a alma
  Com texto
  Correndo atrás do vento
  Conversa de mulheres
  Crônica de uma cidade suja
  De onde canta o sol
  Diario da timidez
  Digressiva Maria
  Escrevo apenas-inconformada
  Espelho da alma
  Eu sozinha futebol clube
  Eu na Holanda
  Fala poética
  Faxina mental
  Florbela Espanca
  Fonoces2006
  Jornal do blogueiro
  Luz da minha alma
  Lendo e sonhando
  Letras proibidas
  Letras e tempestades
  Meia pataca
  Mudança dos ventos
  Mulher dos 50 aos 60
  No limite da razão
  O prazer de pensar
  Olhando a vida de frente
  O prazer de pensar II
  Paixões da alma
  Palavras de algodão
  Pensamentos de Laura
  Ponto Gê
  Pretensos colóquios
  Pra vc que gosta de poesia
  Querida vida
  Retalhos amigos
  Retalhos e pensamentos
  Sem pé nem cabeça
  Sem pénis, nem inveja
  Syncope
  Tábua de marés
  Taxitramas
  Tempestade cerebral
  Tormento & Incoerência
  Voando pelo céu da boca